Notícias

Festival celebra 20 anos de carreira de Netinho Macedo e reúne diversos repentistas em Padre Marcos

14/11/2022

O município de Padre Marcos sediou nesta sexta-feira (11), a 4ª edição do Festival de Repentistas, evento promovido com o intuito de contribuir para difundir e fortalecer a cultura de repentes e cantoria de viola.

O festival foi organizado pelo cantador Netinho Macedo, visando incentivar a arte do repente, e também em comemoração aos seus 20 anos de cantoria. O evento conta com o apoio da Prefeitura de Padre Marcos, gestão do prefeito Valdinar Silva e vice-prefeito, Valdo Benedito, da Secretaria Municipal de Cultura, que tem a frente a gestora Linara Benedito, e Câmara de Vereadores, que é presidida pelo vereador Adão José da Silva.

Em uma noite marcada por cultura e poesia, o festival aconteceu na Escola Municipal Cândida Macedo e reuniu um grande público. Autoridades municipais e admiradores da cultura da cantoria, de Padre Marcos e circunvizinhas, estiveram presentes para prestigiar o evento, que contou com a participação de violeiros do Piauí e também de outros estados.

Netinho falou da alegria pela realização do festival. “Estamos trazendo 16 cantadores, a maioria da região de Picos, e alguns de outros estados. São cantadores que tem trabalhado comigo, feito várias parcerias durante esses 20 anos de cantoria que hoje estou comemorando. É um festival sem competição, onde todos poderão mostrar seu trabalho para o público. É uma grande alegria para mim e uma satisfação pra Padre Marcos e região, poder realizar hoje o 4º festival, depois da pausa devido a pandemia”.

Ele agradeceu aos apoiadores e disse que o intuito é engrandecer o evento a cada ano.
“Gostaria de agradecer o apoio do prefeito Valdinar, do vice-prefeito Valdo Benedito, do vereador Adão Silva e outras amigos que estão apoiando o nosso 4º festival. E o objetivo é realizar o festival todos os anos e cada edição crescer o evento, poder trazer mais cantadores e fortalecer a nossa cultura. Hoje, já tivemos o prazer de contar com a participação de cantadores que não conheciam a cidade e hoje tem a oportunidade de vir e se apresentar no 4º festival”.

Netinho ainda destacou que é uma alegria representar Padre Marcos na cantoria. “São 20 anos que eu venho defendendo e levando o nome da minha querida cidade de Padre Marcos para todo Nordeste, através da cantoria. Já fui a São Paulo também várias vezes, e em todas as apresentações estou representando o nome de Padre Marcos. É motivo de alegria e gratidão ser um representante da cidade na arte da viola”.

Na abertura do festival, o prefeito Valdinar Silva, acolheu os repentistas e agradeceu.
“Agradecer a Deus por estarmos aqui nesta noite, reunidos para participar do 4º Festival de Repentistas de Padre Marcos, onde vamos ouvir esses brilhantes artistas, que fazem a cultura nordestina crescer. Em nome do meu compadre Netinho, agradecer a todos os repentistas de vários municípios e estados que estão presentes aqui. Se sintam em casa, abraçados e podem ter certeza que Padre Marcos os recebe com alegria. E dizer que, a Prefeitura de Padre Marcos, apesar das dificuldades, vem mantendo sua organização e está contribuindo para que o festival aconteça”.

Logo após, a programação cultural foi aberta pela poetisa Hosana Arlinda, da cidade de Jaicós, que recitou uma poesia de sua autoria. As apresentações de cantoria foram iniciadas em seguida, contando com a participação de 16 violeiros de cidades vizinhas e outros estados.

Se apresentaram em duplas, os cantadores Antônio Lima (Geminiano), Edivaldo Araújo (Vila Nova), Nivaldo Viana (São Julião), Adalberto Carvalho (Monsenhor Hipólito), Chico Moura (Paulistana), Rafael Neto (Aracajú -SE), Zé Viola (Bocaina), Hipólito Moura (Caruaru-PE), Valdenor Sousa e Nely Sousa (Paquetá), Josué dos Santos, Francemildo Lacerda (Isaías Coelho), Valdenor Batista (Paulistana), Henrique Paiva, Genivaldo Sousa (Jaicós) e Antônio Poeta (Campos Sales-CE).

Cada dupla teve 15 minutos para se apresentar e desenvolver a cantoria de acordo com temas apresentados na hora, entre sextilha (com estrofes de seis versos), mote de sete sílabas e decassílabo (com 10 sílabas).

Ao final das apresentações, todos os repentistas foram presenteados com ‘troféus’ pela participação no festival. Netinho Macedo entregou a lembrança do festival também ao prefeito Valdinar, vice, Valdo Benedito e ao Padre Fernando Amando, além do presidente da Câmara, Adão José, que foi representado no recebimento da placa por Antônio Lisboa da Silva.

Além dos já citados, também estiveram presentes no festival a primeira dama, Edilene Silva, a engenheira civil Wiliane Kelly, secretários municipais Erimar Carvalho (de Transportes) Maria Lúcia (de Saúde), Erasmo, mestre de obras, e sua esposa.



 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

De 0 a 10, quanto você avalia nosso site?